Seja bem-vindo. Hoje é

GOVERNO ENTREGA 200 TONELADAS DE ALIMENTOS

 A primeira fase do RN Chega Junto entregou 200 toneladas de alimentos a famílias vulneráveis cuja situação de pobreza foi agravada pela perda da renda do trabalho ou mesmo trabalhadores sem renda devido à pandemia do coronavírus. Foram 20 mil cestas básicas distribuídas pelo programa governamental e a meta são 60 mil até o fim do ano. A segunda fase do programa começa já nesta quarta-feira (14).

Desde o lançamento do Programa, no dia 16 de setembro, 126 entidades de 31 municípios do RN receberam cestas básicas. Todos solicitaram doações ao Programa RN+Unido.

Segundo a secretária da Sethas, Iris Oliveira, foram atendidos no momento os trabalhadores da área do turismo (balseiros, bugueiros, ambulantes) de Jenipabu e Ponta Negra. “Também chegamos junto a famílias que se encontram acampadas em ocupações urbanas e muitas comunidades populares em diferentes bairros e periferias de Natal, além de outras cidades do Estado, e ainda pessoas com deficiência”.

O Programa RN Chega Junto é gerenciado pela Sethas e a Defesa Civil do Governo, com apoio da Cruz Vermelha. Envolve seis ações socio-assistenciais. Uma delas é a de suprimento alimentar. Além da meta de 60 mil cestas básicas até o mês de dezembro, também serão distribuídas 40 toneladas de peixes, adquiridos diretamente de cooperativas de pescadores do Estado, um investimento superior a R$ 4 milhões.

Para o controlador geral do Estado, Pedro Lopes, a ação vai além da assistência social. “O Governo adota a política de ser cliente de agricultores e pescadores do RN. Mais de R$ 1,3 milhão será injetado no mercado local, beneficiando diretamente trabalhadores do interior, com forte impacto nas economias regionais”.

 


0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.