Seja bem-vindo. Hoje é
GOVERNO SUSPENDE SEGUNDA FRAÇÃO DA REABERTURA ECONÔMICA
A governadora Fátima Bezerra anunciou hoje (7) que a progressão de fase da retomada econômica no Rio Grande do Norte está suspensa por enquanto. Nesta quarta-feira (8) teria início a fração 2 da primeira etapa de reabertura, com autorização para abrir lojas com porta para rua de até 600m² de diversos segmentos, além de bares, restaurantes e lanchonetes. A reabertura desta fração não será possível enquanto a ocupação de leitos de UTI no Estado não ficar abaixo de 80%.
“Em que pese todos os esforços que temos feito, e ao longo desse período foram 440 leitos implantados, sendo somente nos últimos 15 dias 72 leitos de UTI, não conseguimos atingir uma taxa de ocupação inferior a 80%. Essa é a razão pela qual estamos suspendendo essa segunda fração da abertura. O decreto vai até dia 8 e até lá vamos fazer avaliação. Com base nos dados epidemiológicos, tomaremos as próximas decisões”, destacou a governadora, em coletiva de imprensa realizada na manhã desta terça na Escola de Governo.
Caso os números fossem favoráveis, estariam autorizadas a abrir a partir de amanhã lojas de até 600m² de móveis, eletrodomésticos e colchões, lojas de departamento e magazines (que não funcionem em shoppings ou centros comerciais), agências de turismo, calçados, brinquedos, artigos esportivos e de caça e pesca, instrumentos musicais e acessórios, equipamentos de áudio e vídeo, eletrônicos e informática, telefonia e comunicação, joalherias, relojoarias, bijuterias e artesanatos, cosméticos e perfumaria. Entre os serviços, bares, restaurantes, lanchonetes e food parks de até 300m², com proibição de venda de bebida alcóolica no espaço, além de medidas de distanciamento entre mesas e pessoas.
A governadora reforçou que o Pacto pela Vida continua e precisa ter, mais do que nunca, adesão dos municípios e sociedade. “O Pacto pela Vida continua forte, tendo à frente nossas forças de segurança junto com Procon e Vigilância Sanitária. Esperamos que os municípios sigam rigorosamente as determinações desse novo decreto que faz a suspensão dessa fração 2 e queremos convocar a sociedade para fazer o papel dela. É o momento de ter muito cuidado, porque a pandemia não passou”, disse.
 Durante a coletiva, Fátima Bezerra informou que o Governo do Estado está fazendo o maior programa de distribuição de máscaras do Brasil, entregando 7 milhões de máscaras à população. Desse total, três milhões já foram entregues e mais 2,2 milhões começam a ser distribuídos hoje em todo o Estado. O restante já está em processo de fabricação pelas empresas parceiras junto às oficinas de costura ao redor do RN. “O uso da máscara é imprescindível. O Governo está fazendo sua parte. Cobramos que a sociedade faça a parte dela, adotando a obrigatoriedade do uso da máscara”, finalizou. 
 


0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.